O PODER DE UMA ESCOLHA (Completa)

Versão para impressão

A temática é moderna, orkut, namoro, ficação...

São pessoas comuns das igrejas, que têm atitudes comuns, mas um deles sonhou que Jesus voltara e ele havia ficado.

Jovens, suas escolhas e conseqüências.

Ênfase no arrebatamento.

(Versão completa)

 

CENA 01

(Meninas se arrumando para o ensaio e conversando)

Núbia: Não sei mais o que eu faço com o meu cabelo.

Bruna: O seu tá maravilhoso, pior o meu que só fica bonito com jejum e oração.

Núbia: Vai nessa, seu cabelo é lindo, já o meu parece que quanto mais mexe, pior fica.

Vanessa: Oi meninas!

Todas: Oi.

Núbia: Hum, olha ela que linda!

Vanessa: Ai, tem que ser né, pra ver se o Léo olha pra mim.

Bruna: Você ta gostando do Léo?

Vanessa: Tô, ele não lindo?

Núbia: Se é, acho que tem um monte de menina que gosta dele.

Vanessa: Todas podem gostar, mas eu que serei a futura namorada dele (risos).

Bruna: Mas você acha que ele ta gostando de você?

Vanessa: Pior que não.

Bruna: Ah, você já fuçou no orkut dele?

Vanessa: Não, eu nem sabia que ele tinha orkut.

Bruna: Então dá uma olhada nos recados dele e vê se ele não comentou alguma coisa com um amigo e tal.

Vanessa: Boa Bruna! Vou olhar hoje mesmo!

Bruna: Oi Dani!

Daniela: Oi gente.

Vanessa: Que cara é essa?

Daniela: Nada não, é que aconteceu um negócio e eu to preocupada.

Núbia: Conta, quem sabe a gente não pode te ajudar.

Daniela: É que um menino do cursinho me pediu em namoro, meu ele é um fofo, lindo, inteligente, nossa me deu até um ursinho de presente.

Bruna: Ai que fofo!

Daniela: Ele quer fazer o mesmo curso que eu, a gente é amigo já tem um tempo só que ele não é crente.

Núbia: Nossa Dani, que barra, o que você vai fazer?

Daniela: Eu não sei. Por um lado ele é praticamente tudo que sonhei e por outro eu vou está desagradando a Deus.

Vanessa: Ah, besteira Dani, ele é legal, tipo comportado ou é todo doido?

Daniela: Não, ele é tímido, bem na dele, sabe, não é desses meninos baderneiros.

Vanessa: Ah, então aceita, depois você ganha ele pra Jesus.

Núbia: Você devia dizer não logo.

Daniela: Só que não é tão fácil assim.

Núbia: Dani, pede a Deus força pra dizer não, Deus conhece seu coração, sabe que você não quer errar.

Vanessa: Eu já acho o contrário, acho que Deus sabe qual é seu sonho e você mesmo disse que ele é o menino que você sempre sonhou, então, você aceita e depois chama ele pra vir pra Igreja.

Daniela: Ai gente, eu não sei, vamos subir logo pro ensaio, porque a gente já ta atrasada.

Todas: Vamos.

CENA 02

(No ensaio, todos oram de joelhos)

Samuel: Amém. Glória a Deus por mais uma vez estarmos aqui para louvarmos o nome dEle e aprendermos mais da sua Palavra.

(Vanessa fica toda hora olhando pra porta pra ver se encontra Leonardo, ele chega o meio do ensaio, fica olhando pro relógio e ela fica o tempo todo olhando pra ele.)

Samuel: Vamos ler em Lucas 9:23 “Em seguida dizia a todos: Se alguém quer vir após mim, negue-se a si mesmo, tome cada dia a sua cruz e siga-me.” Eu queria deixar uma rápida meditação sobre renúncia, renunciar não é fácil, porque independente da idade, todos nós temos vontades e muitas dessas vontades não agradam a Deus. Mas é necessário que a gente escolha a quem vamos servir, porque Jesus não disse “se a tua mãe te obrigar” ou “se teu amigo te chamar”, Ele disse, “se alguém quiser”, logo você não é obrigado a servi-lo, mas se decidir que sim, deve lembrar da condição de negar-se a si mesmo e tomar diariamente a sua cruz. Negar suas vontades, seus desejos, negar sua carne e tomar a sua cruz. Tomar a cruz ao contrário que muita gente pensa não é carregar um fardo maior que se pode levar, não. A cruz é sinônimo de vitória e tomá-la é lembrar do seu valor e da sua responsabilidade como Cristão, é dizer não ao pecado porque você nega-se a si mesmo e tomou a sua cruz. Renunciar pode ser difícil, mas temos de lembrar que Jesus renunciou a tudo para nos salvar e Ele mesmo prometeu que quem tiver deixado pai, mãe e propriedades por Ele, irá receber cem vezes tanto nesta terra e por fim a vida eterna. Meditem nisso e que cada dia nós possamos seguir a Jesus, negar-nos a nós mesmos e tomar a nossa cruz. Amém. Douglas, ora por nós por favor.

Douglas: Senhor meu Deus, obrigado por mais um dia na Sua casa, obrigado pela Palavra, leva-nos em paz, abençoa a cada um, em nome de Jesus. Amém.

Samuel: Tá terminado em nome de Jesus.

(Todos saem ficam as meninas)

Vanessa: Ai, vocês viram como o Léo estava lindo!

Núbia: Dani, você ouviu a Palavra? Diz não pro menino amiga.

Vanessa: O que disse a Palavra?

Núbia: Você não prestou atenção?

Vanessa: Ah, em algumas partes sim, tinha um negócio lá de cruz, mas eu não sei do que ele tava falando não.

Bruna: Ah, eu acho que a Dani podia aceitar com a condição de que ele viesse na Igreja com ela.

Daniela: Ai, eu to cada vez mais confusa.

Núbia: Dani vai pra casa, medita na Palavra e ora, eu tenho certeza que você vai ver que isso é armadilha do inimigo pra sua vida.

Vanessa: Ai Núbia pára de fazer terrorismo na cabeça da menina, eu heim. Dani vai pra casa e depois apresenta pra gente o seu namorado (risos).

Daniela: Ah gente, eu não sei.

Bruna: Mudando de assunto, vamos pro shopping?

Daniela: Não dá eu não to no clima.

Vanessa: E eu preciso ver o orkut de uma certa pessoa hehe.

Núbia: Não estou a fim não Bruna, vamos outro dia.

Bruna: Ta certo.

Vanessa: Gente eu vou indo, estou ansiosa pra saber se o Leonardo está ou não apaixonado por mim.

Daniela: Eu também já vou indo.

Núbia: Vamos né Bruna, só sobrou a gente mesmo.

(Elas saem e passam na frente dos meninos)

Vanessa: Vocês viram como o Léo me olhou?

Núbia: Eu não vi nada, você é que tava olhando pra ele.

Bruna: Isso aí.

Vanessa: Ah vocês também, nem para reparar nele.

(Elas vão embora e deixam os meninos sozinhos)

Douglas: Mas você ta gostando de verdade dela?

Leonardo: Ah sei lá, acho que sim, ela é muito linda meu.

Alexandre: Cara, mas você vai namorar com ela mesmo ela não sendo da Igreja?

Leonardo: Vou o que, que tem?

Alexandre: Ah sei lá véio, a gente vive ouvindo as paradas aí de que jugo desigual é pecado e tal.

Douglas: Ah, nada a ver Alexandre, depois a menina vem pra Igreja cara.

Leonardo: Ah, se ela não vir eu também não to nem aí, meu esse negócio dela não ser crente é só um detalhe.

Alexandre: Cara eu to bolado meu, essa noite eu sonhei que Jesus voltava e eu ficava. Sinistro.

Douglas: Meu eu não acredito, você assiste Jogos Mortais e tem pesadelo? Fala sério.

Leonardo: Ai que medo, coitado dele, ficou com medo.

Alexandre: Gente é sério.

Douglas: Ah, mas se Jesus voltar hoje, você acha que fica?

Alexandre: Acho que sim veio.

Leonardo: Ih, o Alexandre meu, ta aprontando e nem contou pra gente.

Douglas: O que você ta fazendo cara? Ta aí com a consciência pesada.

Alexandre: Ah, o de sempre. Tipo de vez em quando eu conto umas mentiras lá em casa, fico com umas meninas, olho uns sites impróprios, falo uns palavrões, essas coisas.

Leonardo: Ah, então não é nada grave não.

Alexandre: Como não cara, é tudo pecado.

Leonardo: Que pecado o que Alexandre, olha mentir de vez em quando é uma necessidade, ficar com as meninas é normal, o ruim era se fosse com homem (risos), todo mundo olha “sites impróprios” cara e falar palavrão é uma questão de estilo não de pecado.

Douglas: Todo mundo faz isso cara nem por isso a gente vai pro inferno, a gente vem na Igreja cara, isso já ta bom demais.

Alexandre: Sei não, vocês repararam que às vezes a gente ta no ensaio ou no culto e ta todo mundo dando glória a Deus, chorando, com as mãos levantadas e nós sempre cantamos mas não sentimos nada? Ou às vezes até sentimos, mas quando nós saímos da Igreja parece que não aconteceu nada?

Douglas: E o que isso tem a ver?

Alexandre: Pensa só cara, se a gente não consegue sentir Deus nem aqui, porque que nós vamos ir no arrebatamento, heim?

Leonardo: Alê, na boa cara, a gente não sente porque não tem que sentir, Deus escolheu as pessoas que Ele quer que sintam.

Alexandre: Léo é sério! Você não reparou que quem geralmente ta lá sentindo a presença de Deus são os mais certinhos? Os que oram e não ficam aprontando?

Douglas: Alê, não viaja meu, você só teve um pesadelo cara, não é porque você sonhou que vai acontecer.

Alexandre: Não sei não, eu to com medo.

Os dois: Ah não, ninguém merece.

Alexandre: É sério gente, eu vi como é ruim ser deixado pra trás cara.

Leonardo: Ta bom Alê, vamos embora porque o médico mandou não contrariar. (risos)

Alexandre: Fica rindo, depois Jesus volta e vai ficar os três aqui, rindo da cara do outro.

Douglas: Relaxa, pelo menos a gente vai ficar bem acompanhado (risos).

ATO II – AS ESCOLHAS

CENA 03

(Vanessa no computador)

Vanessa: Vamos ver se ele está ou não apaixonado por mim. Deixa eu procurar... Leonardo, aff tem dez mil Leonardos nesse Orkut, hum, deixa eu ver na comunidade do conjunto... achei!!! Leonardo Freitas, haha, eu serei a futura Sra. Freitas hehe, ai que idiota ele apaga os scraps! Bom no perfil não diz nada, mas em breve em paixões estará “Vanessa a minha namorada” hehe. Deixa eu ver as comunidades, “Eu amo chocolate”, ah eu também meu amor, você é tão perfeito. “Eu amo às morenas” eu sabia que você estava gostando mim, “Sou lindo e sei disso”, verdade você é meu amor, “Eu me amo e é recíproco”, “Eu não me acho, eu sou”, nossa nem um pouco convencido! “Eu vou casar de all star”, que romântico! “Bob Esponja Calças Quadradas!” ah, ninguém merece, nem tudo é perfeito nessa vida né. “Ta comigo, ta com Deus”, “Se nada der certo viro hippie”, “Eu nasci no dia do meu niver”, grande constatação! “Eu + Você = Uma história de amor” ai meu Deus, sou eu que ele ama, que fofo! “Amo o sorriso dela”, eu vou sorrir pra você toda a vida... “Eu amo uma Gabriela” (grito) como assim? Você ama Vanessa, V-A-N-E-SS-A, entendeu? Ai meu Deus, quem é essa Gabriela heim?Ai que raiva! Eu vou ver nos contatos dele...

CENA 04

Alexandre: Oi mãe.

Mãe: Oi filho.

Alexandre: Mãe, como vai ser quando Jesus voltar?

Mãe: Ah filho, nós vamos ficar com o Senhor nas Bodas do Cordeiro, uma festa no céu, vamos ser recompensados conforme nossas obras e vamos adorar a Deus junto com todos os irmãos que morreram em Cristo e foram fiéis.

Alexandre: Ta, mas e quem não for com Jesus, como é que fica?

Mãe: Porque você quer saber?

Alexandre: Ah porque sim, éééé, é que um amigo meu da escola perguntou.

Mãe: Ah, bom, quem ficar vai sofrer a grande tribulação, que vai ser um período de angústia como nunca se viu na terra, o Anti-Cristo vai reinar, e depois destes sete anos, Jesus voltará e o destruirá e então vai ter o Juízo Final. Mas o pior mesmo pra quem ficar vai ser a salvação, porque o único jeito de ser salvo é não aceitando a marca da besta, e quem não aceitar não vai poder comprar ou vender.

Alexandre: Nossa! Então o esquema pra ser salvo depois disso é não aceitar a marca?

Mãe: Isso, mas não vai ser tão fácil como você está pensando. A primeira metade do governo do Anti-Cristo vai ser marcada pela paz, ele vai prometer tudo para no final se revelar verdadeiramente quem é, só que aí já será tarde, as pessoas já vão ter aceitado a marca. Fora filho, que se pe difícil ser fiel hoje onde pelo menos no nosso país tem liberdade, imagine como vai ser quando todos saberão que você não aceitou a marca, além de claro a perseguição, como vão sofrer os que aqui ficarem.

Alexandre. Verdade. Valeu mãe.

Mãe: De nada filho.

(Alexandre no quarto)

Alexandre: Eu é que não quero ficar aqui, eu heim, marca, perseguição, tribulação, to fora. (pausa) Ah, mas o que eu vou fazer? Eu continuo achando que vou ficar aqui Eu vou ligar pro Samuel. Alô, Samuel?

Samuel: É ele mesmo, quem ta falando?

Alexandre: Oi cara, aqui é o Alexandre, beleza?

Samuel: Tudo bem graças a Deus, aconteceu alguma coisa? Você nunca me liga.

Alexandre: Mais ou menos cara, é que eu sonhei que Jesus voltava e eu ficava aí eu fiquei boladão com isso meu.

Samuel: Alexandre, se Jesus voltar hoje, você vai subir com Ele?

Alexandre: Eu acho que não cara.

Samuel: Porque você não tem certeza da sua salvação?

Alexandre: Ah sei lá, eu vou na Igreja e tal, mas ainda não consegui conhecer a Deus do jeito que vocês falam sabe, eu participo dos retiros, do congresso, mas nunca tive uma experiência com Deus pelo menos não que eu saiba. Fora uns negócios que eu faço que acho que não estão muito certo.

Samuel: Alê, a Bíblia diz para a paz de Deus ser o juiz do nosso coração, se o seu coração não está em paz é porque tem algo que te preocupa, e você sabe o que é.

Alexandre: Ta eu erro e sei disso, mas o que eu vou fazer?

Samuel: Você prestou atenção na Palavra hoje?

Alexandre: Na boa? Não.

Samuel: Foi falado sobre renúncia, Jesus disse que se alguém quer ser um seguidor dEle deve negar-se a si mesmo e tomar cada dia a sua cruz. Você tem a oportunidade de escolher entre servir a Deus ou não, mas não tem como servir a dois senhores, ou você serve a Deus ou você serve o mundo.

Alexandre: Falou cara, eu vou pensar nisso.

Samuel: Ta certo, só não esquece que existe algo que não dá nem pra calcular que é o amor de Deus pela sua vida, Deus te ama Alexandre, de um jeito que ninguém te amou ou vai te amar. O que Ele quer é que você ame a Ele mais que sua vida, porque a própria Bíblia nos pergunta: O que adianta ao homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma?

Alexandre: Obrigado cara, fica com Deus.

Samuel: Amém, fica com Ele você também.

(Alexandre senta-se, fica sem saber o que vai fazer e resolve orar)

Alexandre: Deus, eu to aqui e não sei o que faço da minha vida, sabe Deus eu nunca liguei pra esses lances de santificação, sempre achei que pecar às vezes não tinha problema, mas eu to com medo Deus, medo do Senhor voltar e eu ficar aqui, eu sei que eu to parecendo um doido, mas eu não iria sonhar isso à toa, eu nem tava pensando nisso pra ter sonhado. Deus eu nunca tive uma experiência contigo, o povo vive falando disso na Igreja mas entra por um ouvido e sai pelo outro, e eu não sei o que fazer, eu sei que estou errado, mas abrir mão do que eu faço não é fácil, Deus se até os meninos da Igreja me zoam quanto mais os meus amigos da escola. Deus eu preciso Te ouvir, preciso entender o que está acontecendo, o Senhor vai voltar e eu quero ir contigo. (silêncio) O que adianta ao homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma? É verdade Deus, mas é tão difícil, porque eu não posso ser teu filho e ao mesmo tempo fazer o que eu tenho vontade? (silêncio), verdade, não posso servir a dois senhores, parece então que eu vou ter que escolher, mas porque é tão difícil? De um lado tem tudo que eu gosto de fazer e que o Senhor não gosta, fora meus amigos e minha popularidade, porque ninguém curti quem serve ao Senhor de verdade e por outro está a minha salvação, a vida eterna. Deus me ajuda a escolher. (silêncio) O que adianta ao homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma? Ai isso é tão forte (silêncio) É verdade Deus, o Senhor me ama e eu vou ficar com o Senhor, eu Te escolho Jesus, por mais que isso seja difícil, eu Te escolho Jesus, me dá força porque eu Te escolho. Deus foi muito bom falar com o Senhor, muito obrigado.


CENA 05

(Daniela está sentada esperando por Rodrigo)

Rodrigo: Oi.

Daniela: Oi.

Rodrigo: Tudo bem?

Daniela: Tudo.

Rodrigo: E então, você já tem uma resposta?

Daniela: Tenho. (respira fundo)

Rodrigo: E então?

Daniela: A resposta é...

Rodrigo: Ah, isso é pra você. (entrega flores)

Daniela: Obrigada. (respira, olha pra Rodrigo, pras flores).

Rodrigo: A resposta é?

Daniela: (respira) Não. (silêncio) Desculpa Rodrigo mas eu vou não namorar com você. (levanta-se)

Rodrigo: Espera, mas porque? É porque eu não sou crente não é? Se for por isso eu posso ir pra sua Igreja, não tem problema.

Daniela: Não Rodrigo, minha resposta é não. Obrigada pela flores. (entrega)

Rodrigo: Mas porque não? Me deixa pelo menos tentar?

Daniela: Rodrigo, Deus tem planos na minha vida, e eles não incluem você.

Rodrigo: E pra minha vida? Deus não tem planos?

Daniela: Tem, Ele quer que você se arrependa e se converta.

Rodrigo: E porque eu não posso fazer isso namorando com você?

Daniela: Porque você não precisa de mim pra se converter.

Rodrigo: Mas porque não?

Daniela: Rodrigo, você pediu para eu escolher se queria namorar com você ou não, e eu já dei minha resposta, é não.

Rodrigo: Você não quer ou você não pode?

Daniela: Eu, eu, eu. Deus quer que seja assim então vai ser assim.

Rodrigo: Mas aí não é sua escolha, é a escolha de Deus.

Daniela: Isso mesmo, um dia eu escolhi servir a Deus então não sou mais eu, mas Deus vivendo em mim. (sai)

ATO III – AS CONSEQÜÊNCIAS

Narração: Na outra semana.

CENA 06

Núbia: Nossa parece que a gente só se encontra no banheiro.

Bruna: Verdade, por falar nisso, Vanessa o que você descobriu mexendo no Orkut do Léo?

Vanessa: Que o idiota está namorando com uma menina da escola dele.

Núbia: Mas ela não é aqui da Igreja?

Vanessa: Não, é uma tal de Gabriela, o idiota tem até uma comunidade chamada “Eu amo uma Gabriela”, ai que ridículo.

Bruna: Então você desistiu dele?

Vanessa: Imagina, muito pelo contrário, eu já comecei com um plano para separar os dois e ele namorar comigo.

Núbia: Vanessa, Vanessa, toma cuidado.

Bruna: E qual é o plano?

Vanessa: Simples, eu criei um orkut falso e comecei a deixar uns recados pro Léo insinuando que gosto dele e que estávamos ficando juntos pra fazer ciúmes nessa tal de Gabriela, e pra chamar a atenção dele eu fiquei com um amigo dele.

Núbia: Misericórdia! (assustada)

Bruna: Que amigo? (interessada)

Vanessa: O Douglas.

Núbia: Vanessa você endoidou foi, você sabe que ficar é pecado porque é uma relação sem compromisso...

Bruna: (interrompe) Ah sem lição de moral Núbia, com o Douglas você pode ficar quantas vezes quiser, só não vai ficar com o Marcos porque ele é meu ficante oficial.

Vanessa: Não acredito que vocês tão ficando? Nem contou nada né?

Núbia: Ficante oficial? Isso existe?

Bruna: Lógico que existe, a gente já fica há um tempo e de vez em quando eu fico com outros meninos, todos crentes claro, mas ele é quase um namorado.

Núbia: Mas se ele gosta tanto de ficar com você, porque vocês não namoram.

Bruna: Ah sei lá, ele nunca me pediu em namoro. Mas assim é melhor porque eu acabo ficando com outros meninos também.

Núbia: Vocês duas endoidaram foi? Gente vocês precisam se valorizar, fora que ficar é pecado.

Vanessa: Que pecado o que, a gente só fica com crente então não é pecado.

Núbia: É pecado do mesmo jeito.

Duas: É não.

Núbia: Gente, vocês precisam entender que...

Vanessa: (interrompe) Olha a Dani chegando aí.

Vanessa: Opa, a mais nova desencalhada da Igreja. Olha só a felicidade dela.

Daniela: Nada disso, a antiga encalhada da Igreja mesmo. Mas to muito feliz de verdade.

Bruna: Você disse não pro menino?

Daniela: Disse.

Núbia: Glória a Deus, até que enfim eu ouvi alguma coisa boa hoje.

Vanessa: Eu não acredito, você ficou louca?

Daniela: Louca eu estaria se tivesse aceitado o pedido dele, foi maior difícil dizer não, ele parecia perfeito, mas eu pedi forças pra Deus e disse não.

Bruna: E você ta nessa felicidade toda porque?

Daniela: Primeiro porque tenho certeza de que fiz a vontade de Deus e segundo porque eu disse não pra ele na segunda-feira e na quarta fiquei sabendo que ele tinha engravidado uma ficante dele. Já pensou se a gente começasse a namorar o que iam ficar dizendo de mim?

Vanessa: Eu ainda acho que você devia ter falado sim pra ele, e problema da menina que ele engravidou.

Bruna: Também acho.

Daniela: O que ta feito, está feito, eu só me arrependo de ter ficado tão em dúvida, devia ter dito não na hora.

Núbia: Você fez certo Dani, parabéns. E vocês duas deveriam pensar melhor no que tão fazendo, porque isso não agrada a Deus.

Vanessa: Vamos embora porque senão a Núbia vai começar com pregação aqui.

CENA 07

Douglas: Cara, advinha com quem eu fiquei ontem?

Leonardo: Com a Bruna?

Douglas: Não cara, com a Vanessa?

Leonardo: Com a Vanessa? Eu sempre achei que ela fosse a fim de mim.

Douglas: Convencido.

Leonardo: Que nada, a menina não pára de olhar pra mim cara, nossa mó mala.

Douglas: Isso é verdade, apesar que ela pode ser igualzinha a Bruna, elas só andam juntas.

Leonardo: Ah, sei lá, a Núbia e a Daniela também andam com elas e são diferentes, se bem que a Bruna vale por todas, aff, eita menina oferecida.

Douglas: Se é, acho que ela já ficou com uns 5 meninos aqui da Igreja, fora os das Igrejas de fora e o Marcos então, meu a mina não se liga veio, é só o cara chamar que ela fica com ele.

Leonardo: Ainda bem que eu só tenho olhos para a Gabriela.Douglas: Eita, o cara ta apaixonado.

Leonardo: Que nada, só to curtindo. Olha o Alexandre, oh, ele não foi arrebatado (risos).

Alexandre: E aí gente?

Douglas: Beleza cara, e aí parou com aquelas neuras de que vai ficar no arrebatamento?

Alexandre: Melhor do que isso, eu me consertei.

Leonardo: Você o que?

Alexandre: Decidi mudar.

Douglas: A situação é pior do que eu imaginava.

Leonardo: Ta como assim?

Alexandre: Cara, eu conversei com Deus e vi que era Ele ou era o mundo, então eu escolhi Ele.

Leonardo: Ta, vamos traduzir, quer dizer que agora você vai ser um crente chato, que vive num mundo onde tudo é pecado e não vai mais fazer nada que você fazia antes?

Alexandre: É quase isso.

Douglas: Ele endoidou, pode mandar prender.

Alexandre: Deixa eu explicar pra vocês, eu tava no meu quarto e resolvi orar, falar pra Deus o que eu tava sentindo, e gente foi demais, eu senti Deus ali, ali dentro do meu quarto, sabe, eu falava e Ele respondia e foi muito bom e o melhor é que não ficou só nisso, quando acabou eu ainda sentia Deus, só que dentro de mim! Eu tive de escolher entre Deus e o mundo e escolhi a Deus. E sabe do que mais, eu vi que tinha que escolher a Deus todo o dia, quando alguma menina queria ficar comigo eu e eu dizia não, é o mesmo que eu dizer que escolho a Deus, cara foi demais, meus amigos começaram a me olhar torto, teve umas meninas que tiraram sarro da minha cara e eu percebi que estava incomodando por ser diferente, lembra fazer a diferença no mundo? Eu comecei a fazer!

Leonardo: Tudo isso pro causa de um pesadelo?

Alexandre: A forma que Deus chamou minha atenção foi através do pesadelo, mas o que eu senti foi tudo real, Deus existe de verdade, me ama de verdade, fala de verdade e Ele quer que a gente seja santo, e isso é muito sério gente, eu fiz a minha escolha e vocês também vão ter de fazer a de vocês.

Douglas: Cara, aqui ninguém ta errado, a gente vem pra Igreja, participa do conjunto e é isso que importa.

Leonardo: Meu, pra que complicar as coisas, deixa tudo como está.

Alexandre: Gente acorda, ninguém pode servir a dois senhores, ou é Deus ou é o mundo.

Leonardo: Ah pode sim, a gente faz isso sempre e estamos vivos cara.

Douglas: Isso aeh, vamos embora Léo, depois o Alexandre desiste de ser um crente chato e a gente volta a se falar.

Alexandre: Eu não vou desistir.

Leonardo: Eita, então perdemos um amigo Douglas. (risos)

Douglas: Isso aí.

(Eles saem, Alexandre observa e logo em seguida sai também)

ÚLTIMO ATO – A CONSEQUÊNCIA FINAL

CENA 08

(Na sala de ensaio)

Vanessa: Que esquisito, não chegou ninguém.

Bruna: Oi amiga.

Vanessa: Oi Bruna! Você viu que esquisito? A Igreja ta vazia.

Bruna: Ah deve ser o trânsito, eu tava dormindo no ônibus, bem coisa de pobre mesmo né (risos), aí quando acordei tava maior trânsito, por causa de uns acidentes, e o pior o ônibus tava vazio meu, nem o motorista tava lá, depois não quer que tenha acidente, o doido do motorista sumiu.

Vanessa: Verdade, e aí, novidades?

Bruna: Sem muitas, continuo ficando com o Marcos, minha mãe parece que descobriu, ta pegando no meu pé, mas eu estou enrolando ela e você?

Vanessa: Eu também to esperando o Léo, o negócio do Orkut deu efeito, a namorada dele ta uma fera, mas eles ainda não se largaram, enquanto isso eu fiquei de novo com o Douglas pra ver se ele se toca.

Bruna: Você não acha melhor...

Vanessa: (interrompe) Abafa o caso, o assunto chegou.

Leonardo: Oi meninas, cadê todo mundo.

Bruna: Sei lá, ainda não chegou ninguém.

Leonardo: Que esquisito, a Igreja parece que ta vazia, nem os irmãos da limpeza estão aí.

Vanessa: Muito esquisito mesmo, eu vou tentar ligar pra Núbia, (tenta), chama, chama e ninguém atende.

Leonardo: Eu vou tentar o Alexandre. Também, ninguém atende.

Bruna: Eu heim, e a Dani? Tenta falar com ela.

(Chega Douglas)

Douglas: pessoal, o que está acontecendo? Tem um monte de gente chorando na rua, gritando, tem rua fechada.

Cláudia: Ei, meninos?

Todos: Oi.

Cláudia: Vocês são crentes?

Todos: Somos.

Cláudia: Desculpa a invasão, meu nome é Cláudia, minha mãe é crente e os meus tios também, e eles desapareceram, eu não sei se vocês estão sabendo, mas milhares de pessoas acabaram de desaparecer e minha mãe vivia dizendo para eu ir pra Cristo porque Ele iria voltar e eu to com medo de ser isto, vocês sabem se Jesus voltou?

Leonardo: Entendi tudo!

Douglas: Entendeu?

Leonardo: Isso é coisa do Alexandre com essa história de que Jesus vai voltar e nós vamos ficar. Já descobri cara, pode sair de onde você ta. Alexandre? Alexandre?

Vanessa: Ai Senhor, eu to com medo.

Douglas: Peraí cara, será que Jesus não voltou mesmo?

Bruna: Isso explica porque o ônibus estava vazio e parado no meio da avenida.

Cláudia: Deus, porque eu não ouvi a minha mãe e não fui Te servir?

Leonardo: Gente isso só pode ser brincadeira, se Jesus voltou nós tínhamos que ter ido com Ele, pensa só, a gente tava na Igreja direto.

Vanessa: Grande coisa, você tava em jugo desigual!

Leonardo: Pior você que tava ficando com o Douglas.

Bruna: Pára com isso vocês dois!

Douglas: Olha quem fala, a mais oferecida!

Bruna: Oferecida eu?

Vanessa: Pára Douglas. Léo, eu só fiquei com o Douglas porque eu queria chamar a tua atenção, eu sempre gostei de você.

Leonardo: Que jeito mais esquisito de chamar minha atenção Vanessa, que menino que quer namorar uma garota que sai ficando com seus amigos?

Cláudia: Eu não acredito que vocês estavam dentro da Igreja e deixaram passar a oportunidade de serem fiéis, se vocês soubessem como é difícil está lá fora e entrar aqui, ter de encarar cada rosto, e depois dizer pros seus vizinhos, “olha eu virei crente”, mas vocês não, vocês já estavam aqui, vocês tinham amigos iguais a vocês, líderes que apoiavam vocês e vocês preferiram viver igual quem está no mundo, porque?

Douglas: Porque a gente fez a escolha errada.

Vanessa: E agora vamos ter que agüentar as conseqüências.

Leonardo: Como é que vai ser agora?

Bruna: Se eu pudesse fazer diferente.

Leonardo: Mas não dá, infelizmente.

Douglas: Agora a gente vai ter que ir e encarar a realidade, Jesus voltou, a gente ficou, estamos sozinhos e isso não é engraçado.

Bruna: O que a gente vai fazer sem nossos pais?

Leonardo: Não sei, eu nunca dei importância para o que meus pais me diziam e agora tudo o que eu mais queria era eles aqui me dizendo o que eu devo fazer.

Cláudia: Estou tão arrependida.

Vanessa: Eu to com medo.

Douglas: A gente não viu nada, se a grande tribulação for metade do que falavam eu não sei o que será da gente.

Bruna: Vamos todo mundo pra minha casa, eu não quero ficar sozinha.

Douglas: Eu quero ir com Jesus também.

Vanessa: Ah eu não aceito isso, eu quero voltar atrás.

Cláudia: Vamos embora, não adianta querer voltar, nós tivemos nossa oportunidade e jogamos fora. Vamos embora.

(Saem)

FIM

Depto. de Teatro do CAAD (Conj. de Adolescentes da Assembléia de Deus, Min. do Belém).

Diversos: